Os mais de 30 mil acessos ao www.reformaeconstrucaodacasa.blogspot.com maximizam o foco na excelência pela informação jornalística de qualidade. Ao optarmos pelo segmento editorial assumimos compromissos como ferramenta imprescindível no empreendedorismo do setor. Dar suporte através de uma comunicação precisa, verídica e direta é responsabilidade e metas desta publicação online. Além dos significativos acessos, opiniões, sugestões ou críticas serão bem-vindas no aperfeiçoamento e consolidação dos objetivos proposto. Sua participação vai estampar a página desta revista como forma de reconhecimento e admiração pelo seu direito de expressão. Comentários através do reformaeconstrucaodacasa@gmail.com

sábado, 19 de setembro de 2015

Censo do Mercado Imobiliário em Porto Alegre.

A oferta de imóveis novos para a venda em Porto Alegre aumentou 1,64%, na comparação com 2014.  Atualmente, o setor disponibiliza 6.306 unidades, distribuídas em 321 empreendimentos, de 179 empresas. Deste total, 6.009 são imóveis residenciais (5.596 apartamentos e 342 casas) e 297 unidades comerciais, distribuídas em uma área de 627.405 m²Os dados são do 18º Censo do Mercado Imobiliário, elaborado pelo Sinduscon-RS e divulgados no dia 1º deste mês de setembro. 

A pesquisa apontou ainda que o maior volume das ofertas custam entre R$ 145,3 mil e R$ 210,0 mil, com 25,84% do total e entre R$ 436,1 mil e R$ 533,0 mil, com 14,29%.
Os bairros que apresenta maior número de empreendimentos em oferta são: Petrópolis, Menino Deus, Tristeza, Passo D’Areia, Santana, Auxiliadora, Cavalhada, Partenon, Rio Branco e Moinhos de Vento.

O volume de oferta de unidades novas em 2015 manteve-se nos mesmos patamares observados em 2014. Os apartamentos de dois dormitórios, representam a grande maioria da oferta, assim como havia sido observado em anos anteriores. Já nos anos de 2002 a 2008, a maioria da oferta era de apartamentos de três dormitórios.

Desde 1997  o Departamento de Economia e Estatística do Sinduscon-RS realiza o Censo com o objetivo de dimensionar a oferta de imóveis novos em Porto Alegre para subsidiar o processo decisório dos empresários do setor imobiliário.
Fonte: Sinduscon-RS

Nenhum comentário:

Postar um comentário